Shaun GoodmanQual a importância dos Canais para a prática clínica? Nos dias de hoje a sangria ainda será uma técnica válida?

O Dr. Shaun Goodman virá pela segunda vez a Portugal onde irá abordar estas questões. Baseando-se na teoria dos Canais e na metodologia do Mestre Tung, dois dos métodos mais práticos e importantes para a obtenção de resultados efectivos, o curso irá ter essencialmente uma vertente clínica para clínicos de Medicina Chinesa.

Vagas limitadas!

Em Acupuntura e Moxibustão existem 3 técnicas principais: punção, sangria, Moxa. O uso principal da Moxa está relacionado com padrões de deficiência, o da sangria com padrões de excesso e a acupuntura utiliza-se para regulação. Quando aprendemos a combinar estas três técnicas potenciamos os resultados clínicos.

O primeiro dia da formação terá como foco principal a técnica da sangria. Esta permite drenar e dispersar, melhorar a circulação de sangue, resolver estagnações, drenar o calor, eliminar a dor, reduzir o inchaco, eliminar toxinas, dispersar massas, parar a comichão, tratar problemas emocionais, acalmar o espírito, abrir os orifícios, libertar o exterior e reanimar (perdas de consciência).

A sangria está relacionada com os canais de conexão. Segundo o Ling Shu - capítulo 10, podemos observar os vasos ligação na superfície do corpo. Estes têm a forma de vasos sanguíneos quebrados e de cor escura sob a pele, se a sua cor for azul, diz-nos que estão presentes frio e dor. Se a sua cor for vermelha revela calor, se for negra, que a situação é cronica. Os canais de conexão ajudam o corpo a mover os agentes patogénicos para o exterior, de forma a que não penetrem e danifiquem os órgãos. O corpo aprisiona os agentes patogénicos com a ajuda do sangue e com o passar do tempo estes vasos vêem-se à superfície do corpo. A sangria liberta os agentes patogénicos dos canais. Utilizar esta ferramenta é de extrema importância para as patologias crónicas. Nos locais onde o corpo forma estes vasos, a sangria trata a patologia.

O Mestre Tung dizia:
“Em doenças prolongadas, tem de existir estagnação, em doenças estranhas, tem de existir estagnação, em patologias de dor tem de existir estagnação, em patologias que não respondem aos tratamentos de acupuntura temos de utilizar a sangria, puncturar as veias permite a eliminação do “Qi Patogénico” para fora do corpo.

Para além de utilizarmos esta técnica no tratamento de patologias crónicas, também podemos utilizá-la com grande eficácia em patologias emocionais. O sangue relaciona-se com o coração, o coração controla o sangue, por esta razão a sangria tem um grande efeito no Shen e nas patologias emocionais. O capítulo 62 do Su Wen afirma:
“Quando há um excesso, o espírito da pessoa ri incontrolavelmente… Escolher um pequeno vaso da rede e sangrar”

Os vasos de conexão podem reter traumas psico-sociais com os quais não conseguimos lidar, sangrar este canais têm um forte efeito nos desequilíbrios emocionais.

Nesta formação vamos abordar e aprender diferentes formas de sangria.
Estas serão acompanhadas por demonstrações ao vivo e vídeos que ajudam na compreensão desta técnica. No final da formação, os participantes estarão aptos a aplicar tudo o que aprenderam na sua prática clínica.

Aprendizagem da técnica da sangria com 2 tipos diferentes de agulhas: vamos aprender como utilizar esta técnica nos canais de conexão e nos pontos extra do Mestre Tung no tratamento de diversas patologias.
Aprender a sangria nos canais de conexão para tratamento de patologias emocionais.
Pontos dos 14 canais utilizados em sangria para obtenção de resultados específicos.

2) Sistema do Tai Yang
Fisiologia do TaiYang e combinações específicas para tratamento das disfunções neste sistema: Vento externo, resfriado comum, gripe, alergias, etc...
Utilização do sistema TaiYang para tratamento da ascensão do vento interno devido a uma deficiência do Fígado e Rim, ou tratamento de disfunções do Du Mai tais como hérnias cervicais e lombares, em combinação com pontos do Master Tung que se relacionem com este sistema.

TaiYang do Pé
Fisiologia do TaiYang do pé e pontos do Mestre Tung relacionados com este sistema.
Diagnóstico do canal através da observação e palpação do mesmo.

Canal Tendino Muscular
Patologias do tornozelo, fascite plantar
Dor lombar
Patologias oculares, nariz, lingua e tiróide

Canal de Conexão
Utilização deste canal para problemas emocionais
Utilização deste canal para síndromes externos e problemas no nariz

Canal Principal
Utilização deste canal para patologias nos tendões, ligamentos, músculos e articulações. Patologias da cabeça, face e órgãos sensoriais:
cefaleias occipitais
Olhos: dor, lacrimejar, problemas no nervo ocular, glaucoma, inflamação na retina, etc.
Nariz: Rinite, sinusite, epistaxis
Problemas no útero
Patologias ginecológicas
Ânus - hemorroidal, fissuras

TaiYang da Mão
Fisiologia do TaiYang da mão, pontos do Mestre Tung relacionados com o canal. Diagnóstico do canal através da observação e palpação.

Canal Tendino Muscular
Patologias do pescoço e ombros, tratamento de disfunções dos rotadores externos do ombro, minor teres, infraspinatus, trapezius, rhomboids, splenius cervicis, splenius capitis.
Demonstrações com ventosas e acupuntura para tratamento destas patologias.
Utilização do canal para tratamento de problemas na pálpebra.

Canal de conexão
Utilização do canal para problemas dermatológicos

Canal Principal
Utilização do canal para tratamento de patologias na cabeça, face e órgãos sensoriais.
Utilização do canal para problemas de transpiração
Utilização do canal para problemas digestivos e do fígado
Utilização do canal para inflamação no peito e deficiência na produção de leite.

Destinatários: especialistas em Medicina Chinesa
NOTA: será dada a oportunidade de frequência a estudantes que estejam pelo menos no 3º ano de cursos de Medicina Chinesa

Local: Instituto Português do Desporto e Juventude, Rua de Moscavide 71, 1990-100 Lisboa
Google maps: https://goo.gl/maps/z9sFWnhhNC42

Data: de 30 Setembro a 2 de Outubro

If you like to know more